NOTA DE PESAR

Venho a público manifestar meu mais profundo pesar pela morte prematura de Caio Macêdo, filho da vereadora de Barreiras Karlúcia Macêdo, assassinado na noite desta quarta-feira (13), e aliar-me à dor de familiares, amigos e do povo barreirense diante desse episódio cruel. Nascemos e crescemos seguindo uma lógica estabelecida: ser mãe e ver os nossos […]

Em 14/11 de 2013

01Venho a público manifestar meu mais profundo pesar pela morte prematura de Caio Macêdo, filho da vereadora de Barreiras Karlúcia Macêdo, assassinado na noite desta quarta-feira (13), e aliar-me à dor de familiares, amigos e do povo barreirense diante desse episódio cruel.

Nascemos e crescemos seguindo uma lógica estabelecida: ser mãe e ver os nossos filhos crescidos e bem encaminhados na vida. Pensamos em nossos filhos desde pequenos, já imaginamos a preocupação com eles quando estiverem grandes e longe dos nossos olhos maternos sempre vigilantes e protetores. Eis que vem o destino e muda radicalmente essa lógica. Nunca vamos compreender.

Nada que se diga, nada que se faça nesse momento vai diminuir a dor na alma e no coração de Karlúcia. Peço a Deus que conforte o coração dessa mãe e a faça forte para enfrentar a ausência do filho.

Deus seja contigo nesse momento. Minha imensa solidariedade a você e sua família.

Kelly Magalhães
Deputada Estadual

1 comentário

José Antonio Neto
Comentou em 17/11/13

Boa tarde a todos,
Carlos e Karlucia, vcs n imagina o quanto sofro junto com vocês, meu sobrinho querido está bem nesse momento, porque está nas mãos de Deus, não é fácil eu sei, ele está com teus avós, nosso irmão Hélio, ele está bem sim. Hoje sabemos que a justiça de Deus será feita, agora temos que acreditar na justiça da terra, esse caso não pode ficar em pune, temos o direito pelo ao menos saber de onde vem tamanha crueldade, pedimos aos políticos, autoridades e amigos que acompanhe esse caso com muito carinho e que Deus nos ampare.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.