Sete municípios do Oeste da Bahia terão Programa Mais Médicos ampliado

Jornal O Expresso Angical, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Buritirama, Cotegipe, Luís Eduardo Magalhães e Santa Maria da Vitória são municípios do Oeste da Bahia onde o Ministério da Saúde vai ampliar o Programa Mais Médicos, entre outros 1.500 municípios brasileiros. Os municípios e os médicos terão até os dias 28 e 29 de janeiro, […]

Em 18/01 de 2015

Jornal O Expresso

01Angical, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Buritirama, Cotegipe, Luís Eduardo Magalhães e Santa Maria da Vitória são municípios do Oeste da Bahia onde o Ministério da Saúde vai ampliar o Programa Mais Médicos, entre outros 1.500 municípios brasileiros.

Os municípios e os médicos terão até os dias 28 e 29 de janeiro, respectivamente, para confirmar sua participação e efetuar a inscrição no sistema do Programa. Foram priorizadas as cidades com 20% de sua população em extrema pobreza e com IDH baixo e muito baixo.

“A ampliação do Mais Médicos dá nova oportunidade a esses municípios que, por algum motivo, não puderam aderir ao programa. A iniciativa atende a reivindicação de cidades do país inteiro por nova chance de integrar ou ampliar o número de profissionais. O Mais Médicos tem papel fundamental no fortalecimento e consolidação da Atenção Básica e se complementa com o trabalho na área da formação médica e com obras de melhoria na infraestrutura”, destacou o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Os médicos brasileiros continuarão tendo prioridade na seleção, e agora terão três chances de escolher o município em que querem atuar. Na inscrição, cada profissional definirá até quatro cidades, de acordo com sua prioridade.

Os candidatos concorrerão somente com aqueles que optarem pelos mesmos municípios e, quem não conseguir alocação, poderá ter acesso às vagas remanescentes. Caso todas as vagas não sejam preenchidas, o edital será aberto aos brasileiros que se formaram no exterior e, em seguida, aos profissionais estrangeiros.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.