Rotary Barreiras propõe criação de unidade de atendimento de câncer

De acordo com a entidade, a cidade tem um potencial de atingir mais de 1 milhão de pessoas que se beneficiariam diretamente com uma unidade de atendimento

Em 12/07 de 2019

Informações Mais Oeste

O Rotary Club Barreiras Rio de Ondas realizou na última segunda-feira (08) uma reunião com 16 entidades de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães para apresentar o estatuto de criação do ICOB – Instituto do Câncer do Oeste da Bahia. O encontro teve como objetivo levar ao público a importância de oferecer um tratamento digno aos pacientes sem a necessidade de deslocamento para outras cidades.

“Aqui nós temos muitas entidades e associações. Nossa ideia foi apresentar a proposta para essas entidades e que elas levem essa ideia para os associados e discutam com eles essa possibilidade. Estamos à disposição para quem quiser entender mais sobre o instituto. Na reunião nós mostramos os horizontes possíveis. Se cria um instituto ou cria um anexo ao HO. O ICOB é só um gestor, um arrecadador de recursos, e ele não é do Rotary, é da sociedade”, disse a presidente do Rotary, Marizete Zuttion.

A estimativa do Rotary Club é sanar todas as dúvidas e em dois meses conseguir começar a arrecadação de fundos para concretizar o projeto. De acordo com o Rotary, Barreiras tem um potencial de atingir mais de 1 milhão de pessoas que se beneficiariam diretamente com uma unidade de atendimento.

“Esperamos que os políticos tomassem a frente como foi prometido, mas agora compramos essa briga devido a necessidade. O grupo rotariano tem representantes dos mais diferentes setores e a nossa função é tirar essa ideia do papel. Já está idealizada, formatada ela já está, agora vamos torná-la realidade”, disse Marizete.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.