Médicos devem implantar microchip no cérebro de Schumacher

Correio da Bahia Objetivo é que o ex-piloto consiga voltar a andar e falar com a ajuda do aparelho Internado em uma clínica de reabilitação em Lausanne, na Suíça, Michael Schumacher ainda se comunica apenas através dos olhos. Sem conseguir falar ou se mexer após o grave acidente de esqui que sofreu em dezembro, que […]

Em 22/07 de 2014

Correio da Bahia

Objetivo é que o ex-piloto consiga voltar a andar e falar com a ajuda do aparelho

O ex-piloto que sofreu grave acidente de esqui em dezembro, não consegue falar ou se mexer | Foto: AFP

O ex-piloto que sofreu grave acidente de esqui em dezembro, não consegue falar ou se mexer | Foto: AFP

Internado em uma clínica de reabilitação em Lausanne, na Suíça, Michael Schumacher ainda se comunica apenas através dos olhos. Sem conseguir falar ou se mexer após o grave acidente de esqui que sofreu em dezembro, que o deixou por seis meses em coma profundo, o ex-piloto pode recorrer à ajuda da tecnologia para acelerar a sua recuperação.

De acordo com informações da imprensa suíça, os médicos croatas Darko Chudy e Vedran Deletis estão desenvolvendo um microchip para implantar no cérebro do alemão. O objetivo é que ele consiga voltar a falar e andar durante o processo de recuperação.

A clínica de reabilitação do ex-piloto também trabalha na criação de uma cadeira de rodas especial que tem seus movimentos controlados através da boca. A perspectiva é que ela já seja usada por Schumacher em agosto.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.