LEM: Exames e consultas agora serão marcados nos postos de saúde: Prefeitura inicia programa Saúde à Postos neste 1º de agosto

Menos transtornos pelo deslocamento e menos filas para atendimento

Em 29/07 de 2019

Informações Ascom LEM

Com o objetivo de descentralizar as marcações de consultas e exames e proporcionar maior conforto para o usuário dos serviços públicos de saúde, a prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, por meio da secretaria municipal de Saúde, criou e implanta a partir de 1º de agosto de 2019, o programa “Saúde à Postos”. Através dele os usuários poderão marcar consultas e exames diretamente no posto de saúde mais próximo de casa, sem necessidade de se deslocarem até a Policlínica Municipal.

“A descentralização da regulação de consultas e exames é um passo importante, que vai trazer um benefício enorme para quem precisava sair de casa, especialmente nos bairros distantes, para marcar consultas e exames na Policlínica. A partir de agora isso não é mais necessário. Todos poderão marca-los no posto de saúde mais próximo da sua casa. Menos transtornos pelo deslocamento e menos filas para atendimento, já que a demanda será atendida onde surge.” Garantiu o prefeito, Oziel Oliveira.

A Central de Regulação continuará funcionando internamente, dando andamento aos pedidos que serão encaminhados pelos postos de saúde do município diariamente, e encaminhando procedimentos de alta complexidade. Segundo o Secretário de Saúde, Felipe Melhen, um sistema informatizado está sendo testado para garantir maior agilidade entre o recebimento dos pedidos e a regulação, que se tornará instantânea. O sistema deve estar liberado nos próximos dias.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.