Hospital do Oeste celebra 12 anos em prol da vida

Thianne Lira Inaugurado em 2006, o Hospital do Oeste (HO), que funciona em Barreiras, no oeste do estado, completa doze anos nesta terça-feira, 26. Desde sua implantação, o HO já realizou mais de 6 milhões de atendimentos e 52 mil cirurgias. A unidade que hoje é a principal referência em assistência hospitalar para os 37 […]

Em 25/06 de 2018

Thianne Lira

Inaugurado em 2006, o Hospital do Oeste (HO), que funciona em Barreiras, no oeste do estado, completa doze anos nesta terça-feira, 26. Desde sua implantação, o HO já realizou mais de 6 milhões de atendimentos e 52 mil cirurgias. A unidade que hoje é a principal referência em assistência hospitalar para os 37 municípios que compõem a macrorregião e também para outros estados como Piauí, Maranhão e Tocantins, transformou a realidade de uma região que antes não contava com uma unidade de saúde de grande porte para seu atendimento, obrigando a população a ir para centros como Salvador e Brasília.

Unidade de urgência e emergência da rede própria da Secretaria da Saúde do Estado (SESAB), o complexo administrado pelas Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), conta com 193 leitos de internação, sendo 48 de UTI e semi intensiva, além de possuir também ambulatório com especialidades em Cirurgias Geral, Plástica, Pediátrica e Vascular, Neurocirurgia, Neuropediatria, Pediatria, Clínica Médica, dentre outros, para atendimento de pacientes egressos.

Por mês a unidade realiza cerca 50 mil atendimentos e uma média de 300 cirurgias, como é o caso do pequeno Gabriel Lima, que nasceu prematuro no hospital do Oeste e passou três meses na UTI neonatal. “Serei eternamente grato pela equipe desse hospital que acolheu a minha esposa e ao meu filho. Hoje ele já tem 06 meses e está em casa saudável”, comentou Leonardo Lima, pai de Gabriel.

“Chegamos aos 12 anos com o espírito de amar e servir. Quero destacar o trabalho do corpo clínico e dos colaboradores do Hospital do Oeste, que se dedicam inteiramente para cuidar da vida”, afirmou a líder geral do HO, Iranilde Oliveira.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.