Espanha começa a provar o efeito do confinamento

O Ministério da Saúde crê que essa semana se poderá comprovar o resultado do confinamento na Espanha. No país, 5.400 médicos e enfermeiros estão contagiados

Em 24/03 de 2020

Sandra Cristina | Correspondente na Espanha | Imagem destaque: “Fique em casa. Ajuda-nos!” | Foto: Divulgação

Com 514 mortes nas últimas 24 horas já são 2.700 os falecidos e já existem 40 mil contagiados, 3.800 altas hospitalares, 2.600 pessoas em UTI’s e 5.400 médicos e enfermeiros contagiados. A Polícia Nacional alerta o perigo de alguns irresponsáveis estarem abandonando os hospitais sem estrarem de alta médica.

Os grandes hotéis dos grandes centros estão sendo transformados em hotéis/hospitais para abrigar os pacientes que estão recebendo alta e que ainda necessitam ficar mais 14 dias de quarentena antes de voltarem para suas casas para assim, diminuir o contágio.

“Estamos há nove dias confinados e as autoridades sanitárias alertam para um pior cenário da pandemia nesses próximos dias”, grifo próprio.

A situação está muito preocupante também nas residências comunitárias para idosos onde a pandemia tomou conta e vários idosos estão compartilhando quartos com cadáveres acumulados. O exército está percorrendo todas essas instituições e verificando a cena triste e assustadora de cadáveres. Alguns casos não foram comunicados nem a parentes e nem autoridades, enquanto que outros estão mesmo a espera de um carro fúnebre para o traslado.

Uma grande operação para descongestionar os hospitais de Madrid dos cadáveres, vítimas do coronavírus está sendo realizada para levar os falecidos para uma funerária improvisada no Palácio de Gelo de Madrid, um grande centro para patinagem em gelo, já que as funerárias estão em colapso.

Nas pequenas cidades, a colaboração de profissionais e anônimos de todas as classes se destaca pela generosidade. Pessoas anônimas e empresas estão fabricando máscaras em grandes quantidades. Padarias estão deixando os pães já nas sacolas para serem levados pelas pessoas maiores, taxistas estão fazendo entrega de compras em supermercados e farmácias grátis para aquelas pessoas que não podem sair de casa devido à pouca mobilidade física. Enfim, os espanhóis estão mostrando que a fama de “pessoas frias e egoístas” está sendo transformada.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.