Coronavírus na Espanha deixa mais 665 mortos em um só dia

País já supera 4 mil mortos vítimas da pandemia e se torna o quarto do mundo em contágios

Em 26/03 de 2020

Sandra Cristina | Correspondente na Espanha

A Espanha já supera 4 mil mortos vítimas da pandemia e se torna o quarto país do mundo em contágios e mais de 56 mil contaminados. “Como aqui, parece que é diferente do Brasil, por exemplo, o coronavírus não respeita idade e nem classe social”, a vice presidenta do Governo, Carmem Calvo, está internada com suspeita de contagio e vários ministros, deputados, chefes de polícia e militares, também estão contaminados. O que deixou o país perplexo quando o presidente do Brasil chamou a pandemia de “gripezinha”.

Nessa quarta-feira (25) à noite, o congresso aprovou a segunda medida de alarme, prorrogando por mais 15 dias o confinamento que tem data prevista para acabar dia 11 de Abril. O presidente Pedro Sanchez, pediu encarecidamente a aprovação dizendo que “fora do Congresso, uma pessoa está morrendo a cada dois minutos, vítima do Covid-19”. Mesmo com algumas contrariedades nas medidas políticas que estão sendo tomadas, os deputados aprovaram o novo estado de alarme.

Por outro lado, os testes rápidos que a Espanha comprou da China, não funcionam corretamente. Segundo os profissionais sanitários, a sensibilidade dos testes é de 30% quando deveria ser de 80% o que implica que vários resultados dão negativos, quando na verdade são positivos, o que está causando uma certa preocupação já que foram adquiridos um milhão de testes que estão para chegar. Os profissionais também estão reclamando dos milhões de máscaras que foram adquiridas também de China e que, em sua maioria apresentam problemas de fabricação, deixando de serem eficazes em 100%.

Já são 926 pessoas presas e 102 mil denúncias por descumprimento do estado de alarme, esses são os dados que apresentaram o ministro do interior, Fernando Marlaska, que começou o seu pronunciamento lamentando a morte de 3 policiais e uma reclusa em prisão por contágio do covid-19, todos com idades que variam entre 35 e 45 anos.

De acordo com informações policiais, os casos mais complicados agora é controlar as falsas notícias que estão sendo divulgadas com o propósito de tirar dinheiro dos mais desinformados e pede para que as pessoas busquem informações oficiais antes de “clicar” em qualquer enlace. Por outro lado, também pede às pessoas maiores que não abram suas portas para falsos profissionais que estão entrando nas casas, aproveitando da situação, para roubar aos mais vulneráveis. Essas situações, segundo o chefe de polícia, “só servem para atrapalhar o bom andamento dos trabalhos policiais nesse momento tão grave da situação”.

E ainda atualizando a agenda de hoje:
Sua majestade O Rei de Espanha, visitou hoje de manhã o hospital de campanha levantado em Madrid para atender a enfermos do coronavírus. Foi uma visita bem discreta e não foi anunciada com antecipação aos meios de comunicação. Este hospital tem capacidade para atender 5.500 pacientes e tem uma UTI montada, tornando assim, no maior hospital sanitário da Espanha.

Coronavírus

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.