Clareamento dental: tudo o que você precisa saber

Cada vez mais brasileiros têm buscado nos consultórios odontológicos os tratamentos e procedimentos para que os seus dentes fiquem alinhados e branquinhos

Em 15/10 de 2019

Muitas pessoas buscam ter um sorriso perfeito. Por conta disso, cada vez mais brasileiros têm buscado nos consultórios odontológicos os tratamentos e procedimentos para que os seus dentes fiquem alinhados e branquinhos.

Cada vez mais, têm surgido na área odontológica, diversos avanços tecnológicos, o que acaba sendo benéfico para todos os pacientes, pois são novas técnicas, com diferentes valores que possuem o mesmo objetivo: garantir a saúde bucal e a estética do indivíduo.

A questão estética é extremamente importante para a sociedade em que vivemos. Por esse motivo, as buscas por tratamentos como o de clareamento dental são frequentes. É importante, entretanto, passar com um profissional para certificar-se sobre quais métodos são seguros e trazem bons resultados.

O que é o clareamento dental
Basicamente, o clareamento dental é um tratamento odontológico com substâncias químicas capazes de modificar a cor dos dentes. O componente principal é proveniente do peróxido de hidrogênio ou de carbamida.

Conforme os anos vão passando, ocorre um escurecimento natural dos dentes. Isso ocorre porque o esmalte dentário vai se desgastando, deixando a dentina mais visível. A dentina, diferente do esmalte que é incolor, apresenta uma cor amarelada.

Sendo assim, por mais que as pessoas procurem por dentes totalmente brancos, isso não é tão natural quanto pensam ser. Esse é um dos motivos da importância de procurar por ajuda profissional através do plano odontológico completo, garantindo que todo o seu tratamento seja feito de maneira segura e, ainda assim, eficiente.

Tipos de clareamento
O bom do tratamento do clareamento dental é que ele oferece diferentes maneiras de ser executado. Sendo assim, as pessoas podem buscar pela forma que elas preferem, acreditam ser melhores e com um orçamento dentro do bolso de cada um.

São dois os principais tipos, sempre acompanhados pelo profissional. É importante lembrar que tratamentos totalmente caseiros, sem supervisão de um especialista, pode danificar os dentes, dando ainda o efeito contrário àquele esperado.

Clareamento a laser
Para a realização desse procedimento, o primeiro passo é procurar por um profissional que faça esse tratamento, sendo possível encontrar através de estratégias que as clínicas utilizam para o marketing digital na odontologia. Dessa forma, é possível encontrar bons profissionais perto de você.

Após feita uma avaliação do dentista, é o momento de realizar o procedimento, que deve ser feito no consultório odontológico. Os dentes são clareados através de pastas oxidantes que liberam oxigênio.

É feito, antes de dar início ao tratamento, um isolamento da gengiva para a sua proteção. Então, dá-se início ao procedimento com o laser, utilizando faixas de luz pulsadas, permitindo que ocorra uma reação química, clareando os dentes.

Na primeira sessão, normalmente já é possível ver os resultados. Em alguns casos específicos, é possível realizar até três sessões, para que o objetivo do paciente seja totalmente alcançado. Esse tratamento pode durar até três anos, se todos os cuidados indicados pelo profissional do plano odontológico completo forem seguidos.

Clareamento com moldeira
Já esse tratamento é realizado em casa. O princípio segue o mesmo: ir ao dentista para que ele faça uma avaliação. A partir do momento que o paciente optar por esse método, é necessário fazer um molde da arcada dentária, o mais semelhante possível com a real, para que o encaixe seja perfeito.

Depois que a moldeira está pronta e é entregue pelo dentista, o restante do tratamento pode ser realizado da sua própria casa, através do uso de um gel clareador, também indicado pelo profissional.

Para que esse método seja eficiente, o indivíduo deve ficar com a moldeira entre duas e seis horas por dia. Em uma semana de uso contínuo, é essencial que o paciente volte à clínica para verificar se os resultados têm sido satisfatórios.

Esse tratamento é consideravelmente mais lento que o anterior, podendo chegar até a três semanas do uso da moldeira, por várias horas diárias. Ainda assim, é um método seguro e que não danifica os dentes.

Cuidados após o clareamento
Alguns cuidados devem ser seguidos, de acordo com os especialistas do plano odontológico completo, para que os seus efeitos durem o maior tempo possível, garantindo um maior sucesso ao tratamento.

É necessário atentar-se a alimentação. Isso significa que alimentos com forte pigmentação, seja natural ou artificial, devem ser evitados. são eles:

  • Beterraba;
  • Café;
  • Chás escuros;
  • Açaí;
  • Vinho tinto.

Verifique com o profissional que realizou o seu clareamento dental a partir de quando é seguro retornar a comer esses alimentos, sem que cause problemas para o tratamento. Entretanto, por mais que você os consuma, é importante que não seja em excesso, para garantir um sorriso lindo.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.