Tradição cultural: Quadrilheiros de Barreiras se unem para resgatar Junina Sapecou Queimou

Herança e valorização da Cultura Popular Para quem acha que o São João só começa em junho, os quadrilheiros de Barreiras e região mostram que não é bem assim, o movimento começa bem antes. A paixão pela festa de São João, em especial pela dança fez com que ex-integrantes de conhecidas agremiações de Barreiras se […]

Em 24/01 de 2019

Herança e valorização da Cultura Popular

Para quem acha que o São João só começa em junho, os quadrilheiros de Barreiras e região mostram que não é bem assim, o movimento começa bem antes. A paixão pela festa de São João, em especial pela dança fez com que ex-integrantes de conhecidas agremiações de Barreiras se reunissem para resgatar uma antiga Junina do bairro São Pedro, a Sapecou Queimou, para marcar presença, reestreiando nos festejos juninos da região.

Com data, horário e local definidos, a Quadrilha dará a largada para a temporada 2019. Nesse sábado (26), das 17 às 18hs, na Escola Municipal Eurides Santana, acontecerá o primeiro de uma série de ensaios do grupo, que se intensificarão até a reta final para o São João. Os encontros objetivarão, não somente a preparação da Quadrilha para os festejos, mas também selecionar novos integrantes para a agremiação.

A Quadrilha é penta campeã do Arraiá da Vila Rica, conseguindo os títulos nos anos de 1999, 2000, 2001, 2002 e 2003. Em 2012 foi campeã do Concurso de Quadrilhas Juninas do Município e 3ª colocada no Festival Nacional de Quadrilhas Juninas de Iguatu/CE “Iguatu Festeiro”, no ano de 2010.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.