Servidores municipais de Barreiras terão 4% de reajuste salarial

O Sindicato dos Servidores Municipais de Barreiras (Sindsemb) anunciou que foi fechado acordo com o governo municipal, e a categoria terá reajuste de 4% nos salários já neste mês de abril. A reunião entre a presidente do Sindsemb, Carmelia da Mata, a assessoria jurídica do sindicato, o presidente do Sind-Acs, Luciano Pereira e representantes do […]

Em 10/04 de 2018

O Sindicato dos Servidores Municipais de Barreiras (Sindsemb) anunciou que foi fechado acordo com o governo municipal, e a categoria terá reajuste de 4% nos salários já neste mês de abril. A reunião entre a presidente do Sindsemb, Carmelia da Mata, a assessoria jurídica do sindicato, o presidente do Sind-Acs, Luciano Pereira e representantes do governo municipal aconteceu na manhã desta terça-feira(10), na Prefeitura de Barreiras.

Segundo a presidente do Sindsemb, Carmelia da Mata, a proposta de percentual levada a Assembleia na última sexta-feira não foi aprovada, e retornaram a mesa de negociação com a proposta de 4%, que foi acatada pela administração. O acordo também inclui a mudança da data-base, que a partir do próximo ano será no mês de abril.

“Optamos pelo acordo, porque entendemos que o diálogo é a melhor forma de negociar. Levamos a proposta para a assembleia, trouxemos a nossa contraproposta e conseguimos aprovar os 4% de reajuste. Agora nosso próximo passo será a discussão e reestruturação do plano de cargos dos servidores municipais”, disse a presidente.

Após o encerramento da mesa de negociação, a secretária de administração Versiany Roque, informou que o projeto de reajuste de todas as categorias serão encaminhados imediatamente para à apreciação e votação do poder legislativo.

Fonte: Ascom Sindsemb

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.