Prazo para realização do Cefir está chegando ao fim

Rassana Milcent | Ascom Aiba O agricultor baiano tem apenas seis meses para regularizar ambientalmente sua propriedade. Para isso, é necessário que ele faça o Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir) até maio de 2015. O Cadastro é obrigatório e, caso não seja realizado, outros serviços ambientais solicitados ao Estado não serão atendidos. O […]

Em 06/11 de 2014

Rassana Milcent | Ascom Aiba

01O agricultor baiano tem apenas seis meses para regularizar ambientalmente sua propriedade. Para isso, é necessário que ele faça o Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir) até maio de 2015. O Cadastro é obrigatório e, caso não seja realizado, outros serviços ambientais solicitados ao Estado não serão atendidos.

O cadastramento é feito apenas pela internet através do site www.sistema.seia.ba.gov.br. Entretanto, antes de dar início ao processo, é preciso ter em mãos o documento de posse ou propriedade; dados de reserva legal, APP, área produtiva e passivos; dados do responsável técnico; localização geográfica do imóvel e informações gerais como ITR/ Receita Federal. Todos os documentos devem estar autenticados e digitalizados.

Devido à importância do cadastramento, a Aiba está oferecendo o serviço de assessoria para realização do Cefir ao produtor-associado. Para agendar o atendimento, o produtor deve ligar para o telefone (77) 3613-8027 (diretoria de Meio Ambiente).

Ao finalizar o Cefir é importante que o proprietário assuma as informações prestadas, uma vez que será gerada uma senha com a qual, e só através dela, o produtor poderá ter acesso às informações cadastradas.

Na Bahia, já foram cadastrados 5,5 milhões hectares, sendo que 4,1 milhões estão no Oeste da Bahia. Isso reflete diretamente a preocupação do produtor da região em regularizar ambientalmente sua propriedade.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.