Mulher pensa em se matar após vídeo íntimo cair na net

R7 Fui julgada como criminosa e pensei em me matar, diz vítima de vídeo que virou meme Franciele Santos Pires, a Fran, teve a vida exposta após ser filmada por ex-namorado em GO Quase dois anos após ter a intimidade exposta, a vida de Franciele Santos Pires, a Fran, de 21 anos, não voltou ao […]

Em 22/07 de 2015

R7

Fui julgada como criminosa e pensei em me matar, diz vítima de vídeo que virou meme
Franciele Santos Pires, a Fran, teve a vida exposta após ser filmada por ex-namorado em GO

Fran não consegue mais levar uma vida normal | Foto: Reprodução TV Record

Fran não consegue mais levar uma vida normal | Foto: Reprodução TV Record

Quase dois anos após ter a intimidade exposta, a vida de Franciele Santos Pires, a Fran, de 21 anos, não voltou ao normal. Até pouco tempo atrás, a jovem manteve a identidade preservada porque tinha vergonha e chegou a pensar em suicídio.

— Minha vida não consegue mais entrar no eixo, não consegue mais seguir o rumo. Eu sempre tenho esse passado me atormentando. Cheguei a pensar em me matar.

As imagens se espalharam rapidamente e um gesto que ela fez durante a filmagem foi usado até por celebridades em apoio à jovem e virou meme. Em entrevista à Rede Record, a jovem relatou como está sua vida após ter a intimidade exposta.

— Eu era uma menina alegre que trabalhava, que estudava, que tinha uma rotina bem corrida. E hoje eu não consigo fazer mais essas coisas da minha rotina.

Depois do vídeo, Fran perdeu o emprego. Sem ter dinheiro para pagar o curso, precisou trancar a faculdade. A jovem teve depressão e desenvolveu mania de perseguição.

— As pessoas ficavam ligando, me oferecendo propostas como se eu fosse uma prostituta. A partir daquele momento, minha vida virou um inferno e está até hoje desse jeito.

A jovem relatou os momentos difíceis que passou depois que o vídeo foi divulgado na internet.

— Tinha momentos que eu não conseguia sair do meu quarto. Eu só conseguia chorar. Eu tentei trabalhar, mas não conseguia porque as pessoas já sabiam [do vídeo]. As pessoas me julgando e aquela hipocrisia de falarem “ah, porque você fez isso, eu não faço isso”. Como se eu tivesse cometido um crime, como se eu tivesse matado alguém.

Fran tentou ter uma vida normal, mas até hoje é julgada por muitos.

— É um fantasma que te assombra para o resto da sua vida. Eu sei que quando eu estiver velhinha alguém vai falar “eu vi o seu vídeo”.

O ex-namorado sempre negou ter publicado o vídeo na internet. O caso foi encerrado em outubro de 2014. O homem foi condenado a prestar serviços comunitários por cinco meses. A advogada de Fran disse que o empresário vive uma vida normal: se casou, tem um filho e é dono de um bar em área nobre de Goiânia.

Fran acha que não consegue perdoar o ex-namorado | Foto: Reprodução TV Record

Fran acha que não consegue perdoar o ex-namorado | Foto: Reprodução TV Record

Questionada se perdoaria o empresário, a jovem afirma que é difícil responder.

— É complicado porque envolve sentimento. Eu jamais imaginei que ele pudesse fazer isso porque eu o amava e confiava 100% nele. É uma pergunta que eu não sei te responder. Eu acho que não conseguiria perdoá-lo porque ele destruiu a minha vida.

Depois de tudo o que passou, Fran aprendeu uma lição e quer compartilhá-la.

— Não adianta depois que acontecer, tentar consertar. A gente tem que evitar. Nenhum amor vai durar para sempre e a gente tem que pensar nas consequências que esse amor pode trazer. Então, não gravem. Não deixem se levar pela emoção da hora e pelo sentimento que você sente pela pessoa.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.