Flamengo é solução para elefantes brancos da Copa do Mundo

R7 Cidade-sedes sem tradição no futebol apostam em jogos do Rubro-Negro para movimentar estádios       Matérias Relacionadas: Cônsul dos EUA conhece estrutura de segurança na Bahia para Copa do Mundo Comitê de Segurança discute ações para a Copa do Mundo na Bahia Neymar pode ser preso durante a Copa do Mundo. Veja o […]

Em 18/04 de 2014

R7

Cidade-sedes sem tradição no futebol apostam em jogos do Rubro-Negro para movimentar estádios

A imensidão da torcida do Flamengo e o fanatismo dos fãs do clube podem resolver um problema que a Copa do Mundo deixará: os elefantes brancos | Foto: Fernando Soutello/Gazeta Press.

A imensidão da torcida do Flamengo e o fanatismo dos fãs do clube podem resolver um problema que a Copa do Mundo deixará: os elefantes brancos | Foto: Fernando Soutello/Gazeta Press.

Com altos valores, alguns dos estádios da Copa foram construídos em Estados que não têm clubes com grandes torcidas e ficam para trás quando o assunto é tradição no futebol | Foto: Divulgação.

Com altos valores, alguns dos estádios da Copa foram construídos em Estados que não têm clubes com grandes torcidas e ficam para trás quando o assunto é tradição no futebol | Foto: Divulgação.

 

Por isso, como Flamengo tem uma grande torcida espalhada por todo o Brasil, o time rubro-negro vem sendo solicitado para jogar nessas arenas e pode ajudar a movimentá-las após a disputa do Mundi | Foto: Gazeta Press.

Por isso, como Flamengo tem uma grande torcida espalhada por todo o Brasil, o time rubro-negro vem sendo solicitado para jogar nessas arenas e pode ajudar a movimentá-las após a disputa do Mundi | Foto: Gazeta Press.

O Mané Garrincha, em Brasília, não terá grandes utilidade após a Copa do Mundo. Sem times de grande expressão, a cidade aposta no Mengão, que já atuou por lá contra Santos e São Paulo em 2013 | Foto: DJALMA VASSÃO/Gazeta Press

O Mané Garrincha, em Brasília, não terá grandes utilidade após a Copa do Mundo. Sem times de grande expressão, a cidade aposta no Mengão, que já atuou por lá contra Santos e São Paulo em 2013 | Foto: DJALMA VASSÃO/Gazeta Press

 

A Arena Amazônia também sofrerá com a falta de atividade após a Copa do Mundo. Com grande torcida no norte e no nordeste brasileiro, o governo local terá que recorrer aos times do Sudeste para salvar o estádio. O Vasco já jogou por lá na Copa do Brasil, assim como fará o Corinthians. No futuro, o Flamengo também deve aparecer por Manaus | Foto: GASPAR NÓBREGA/Gazeta Press.

A Arena Amazônia também sofrerá com a falta de atividade após a Copa do Mundo. Com grande torcida no norte e no nordeste brasileiro, o governo local terá que recorrer aos times do Sudeste para salvar o estádio. O Vasco já jogou por lá na Copa do Brasil, assim como fará o Corinthians. No futuro, o Flamengo também deve aparecer por Manaus | Foto: GASPAR NÓBREGA/Gazeta Press.

A Arena Pantanal é a que tem maior chance de cair no esquecimento. Principal elefante branco da Copa brasileira, o estádio de Cuiabá, em Mato Grosso, vai ter que apelar ao time de maior torcida do Brasil para não ficar às moscas | Foto: Heuler Andrey/Gazeta Press.

A Arena Pantanal é a que tem maior chance de cair no esquecimento. Principal elefante branco da Copa brasileira, o estádio de Cuiabá, em Mato Grosso, vai ter que apelar ao time de maior torcida do Brasil para não ficar às moscas | Foto: Heuler Andrey/Gazeta Press.

 

A Arena das Dunas, em Natal-RN, até pode ser usada por ABC e América, time locais que têm expressão mais significativa no futebol brasileiro. Mesmo assim, a tendência é que o estádio não consiga promover grandes jogos no quesito público, também tendo que recorrer aos grandes times do Sudeste | Foto: NUNO GUIMARÃES/Gazeta Press

A Arena das Dunas, em Natal-RN, até pode ser usada por ABC e América, time locais que têm expressão mais significativa no futebol brasileiro. Mesmo assim, a tendência é que o estádio não consiga promover grandes jogos no quesito público, também tendo que recorrer aos grandes times do Sudeste | Foto: NUNO GUIMARÃES/Gazeta Press

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.