Embasa mobiliza comércio de Barreiras para evitar jogar lixo na rede de esgoto

Os mobilizadores da área social da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) percorreram, nos dias 13 e 14, o centro comercial de Barreiras para sensibilizar sobre a importância da manutenção da rede de esgotamento sanitário. A ação foi realizada junto aos comerciantes das ruas Alberto Coimbra (da Feira Livre), e Capitão Manoel Miranda (do […]

Em 26/10 de 2016
Mobilização no centro comercial para orientação do uso da rede de esgoto | Foto: Divulgação
Mobilização no centro comercial para orientação do uso da rede de esgoto | Foto: Divulgação

Os mobilizadores da área social da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) percorreram, nos dias 13 e 14, o centro comercial de Barreiras para sensibilizar sobre a importância da manutenção da rede de esgotamento sanitário. A ação foi realizada junto aos comerciantes das ruas Alberto Coimbra (da Feira Livre), e Capitão Manoel Miranda (do Corpo de Bombeiros, fundos do cemitério) para que evitassem jogar lixo na rede de esgotamento sanitário.

Segundo o gerente da divisão de esgotamento sanitário da Embasa, Patrick Alves, a rede desta região vem sendo prejudicada por muitas obstruções acarretando em extravasamentos de esgoto na rua ou na própria rede interna do imóvel. “Além do custo operacional para a limpeza da rede, há o desconforto dos moradores com o mau cheiro e a proliferação de doenças o que prejudica o próprio negócio”, afirma.

Em imóveis com o serviço de coleta e tratamento de esgoto, deve-se evitar jogar qualquer tipo de resíduo sólido em pontos da rede interna de esgoto a exemplo de papel higiênico, fio dental, cotonete, e cabelo no vaso sanitário ou ralos do banheiro; e comida ou gordura no ralo da pia da cozinha.

Mobilização no centro comercial para orientação do uso da rede de esgoto | Fotos: Divulgação
Mobilização no centro comercial para orientação do uso da rede de esgoto | Fotos: Divulgação

Com a vinda das chuvas, outro problema é o entroncamento da água de chuva na rede de esgoto. “O escoamento da água das chuvas dos quintais das casas devem ir para um sistema próprio de drenagem, caso exista, ou diretamente para a via pública. Na rede de esgoto devem passar somente água servida dos banheiros, cozinha e da lavanderia”, reforçou Patrick Alves.

Os mobilizadores da Embasa também aproveitaram para distribuir uma cartilha educativa com dicas para manter a rede de esgoto sem obstruções. Em caso de entupimentos e extravasamentos, a Embasa recomenda à população comunicar pelo teleatendimento 0800 0555 195 ou se dirigindo à loja de atendimento mais próxima.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.