Deputada reivindica aumento de cota para emissão de RG em Bom Jesus da Lapa

Angela Natsumi | Ascom KM A deputada Kelly Magalhães (PCdoB), por meio da Indicação 20.761/2014, direcionada à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia, solicitou aumento da cota para emissão de cédulas de identificação no município de Bom Jesus da Lapa. Segundo a parlamentar, a cidade possui atualmente cerca de 69 mil habitantes e […]

Em 29/04 de 2014

Angela Natsumi | Ascom KM

Deputada estadual Kelly Magalhães (PCdoB)

Deputada estadual Kelly Magalhães (PCdoB)

A deputada Kelly Magalhães (PCdoB), por meio da Indicação 20.761/2014, direcionada à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia, solicitou aumento da cota para emissão de cédulas de identificação no município de Bom Jesus da Lapa.

Segundo a parlamentar, a cidade possui atualmente cerca de 69 mil habitantes e apesar do acentuado número de habitantes e do crescimento populacional, o Instituto de Identificação Pedro Mello destina apenas 100 cédulas, por mês, para confecção de carteiras de identidade, “número absolutamente insuficiente e totalmente defasado”.

A reivindicação da população chegou ao conhecimento da deputada por meio do vereador de Bom Jesus da Lapa Romeu Thessing. Prepostos do SineBahia confirmaram a informação de que são necessárias pelo menos 300 cédulas por mês para atender à demanda.

“Ouvi destes representantes locais o drama social vivido pelos que precisam do documento de identificação e se deslocam da zona rural, cerca de 70 km ou mais, e não conseguem o atendimento, pela falta das cédulas. É preciso garantir a todos ter acesso a este que é um documento obrigatório para o exercício pleno da cidadania”, disse Kelly.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.