Datafolha: Marina dispara, empata com Dilma e derruba Aécio

Fonte: ultimosegundo.ig Pesquisa mostra que as duas candidatas estão empatadas na disputa pela Presidência com 34%; Aécio cai e fica em 15% O Datafolha divulgou na noite dessa sexta-feira (29) a pesquisa de intenção de votos para a eleição presidencial. A candidata Marina Silva (PSB) aparece empatada com a presidente Dilma Rousseff (PT); ambas tem 34% […]

Em 30/08 de 2014

Fonte: ultimosegundo.ig

Pesquisa mostra que as duas candidatas estão empatadas na disputa pela Presidência com 34%; Aécio cai e fica em 15%

1O Datafolha divulgou na noite dessa sexta-feira (29) a pesquisa de intenção de votos para a eleição presidencial. A candidata Marina Silva (PSB) aparece empatada com a presidente Dilma Rousseff (PT); ambas tem 34% da preferência de votos. Na pesquisa anterior, de 18 de agosto, a petista tinha 36%, enquanto a ex-ministra do Meio Ambiente contava com 21%.

O candidato Aécio Neves (PSDB) tomou um tombo nesta pesquisa do Datafolha. Ele saiu de 20% das intenções de voto para 15%. Pastor Everaldo (PSC), o quarto colocado, também perdeu: saiu de 3% para 2%. Brancos e nulos diminuíram: de 7% para 8%. Também caiu a participação dos que responderam que não sabem ou não responderam: de 9% para 7%.

Os demais candidatos não chegaram a 1% das intenções de votos.

Na simulação do segundo turno, Marina seria eleita (50% da intenção de votos, contra 47% na pesquisa anterior). Dilma perdeu espaço, mostra o Datafolha. De 43% das preferências, a candidata do PT agora tem 40%.

Se o segundo turno fosse entre Dilma e Aécio, a presidente garantiria a reeleição, com 48% das intenções de votos (contra 47% da pesquisa anterior). O candidato tucano teria 40%, contra 39% no levantamento de 18 de agosto. Brancos e nulos respondem por 9%. Não sabem ou não responderam compõem 4%.

Cai a taxa de aprovação do governo

A mesma pesquisa do Datafolha mostra que a taxa de aprovação do governo da presidente Dilma Rousseff caiu. Ao todo, 35% opinaram que a administração é boa ou ótima, ante 38% na pesquisa anterior. Já a avaliação negativa (ruim ou péssima) aumentou – foi de 23% paa 26%. A avaliação regular oscilou menos, de 38% foi para 39%.

Foram ouvidos pelo Datafolha 2.874 eleitores (em 178 municípios), entre a quinta-feira (28) e essa sexta-feira (29).

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.