Cooperativas de Luís Eduardo Magalhães se unem e organizam campanha de doação de sangue

Cátia Andreia Dörr Para cada ato voluntário de doação de sangue até três vidas são salvas. Apesar da equação parecer simples, os desafios ainda são grandes, principalmente na sensibilização e fidelização de novos doadores, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. […]

Em 08/08 de 2017

Cátia Andreia Dörr

Para cada ato voluntário de doação de sangue até três vidas são salvas. Apesar da equação parecer simples, os desafios ainda são grandes, principalmente na sensibilização e fidelização de novos doadores, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS).

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, 1,8% da população doa sangue com regularidade. O percentual ainda é baixo se comparado com índice ideal estimado pela própria OMS, de 3 a 5% da população, para suprir as necessidades de sangue e outros componentes sanguíneos de um país.

Para reverter essa estatística, as cooperativas agrícolas de Luís Eduardo Magalhães: Cooperfarms (Cooperativa do Produtores Rurais da Bahia), Unibahia (Sociedade Cooperativa Unibahia), Cooproeste (Cooperativa Agropecuária do Oeste da Bahia) e a Coopernordeste (Cooperativa dos Produtores de Fibras do Nordeste) e a de crédito, Sicredi, se uniram e o com apoio institucional da Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), prefeitura municipal de Luís Eduardo Magalhães e Clínica São Camilo, organizam para os dias 29 de agosto a 1º de setembro, a campanha de doação de sangue e cadastro de medula óssea Doar Faz Bem.

A iniciativa integra o programa nacional Dia C (Dia de Cooperar) – uma agenda estratégica do segmento impulsionada pela Organização das Cooperativas do Brasil (Sistema OCB), com o objetivo de executar a responsabilidade social, colocando em prática os valores e os princípios cooperativistas por meio de ações voluntárias.

Segundo a Comissão Organizadora, a ação contempla um dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) elencados pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 2015, o qual o cooperativismo tem abraçado. “Neste ano, queremos sensibilizar a população de Luís Eduardo Magalhães sobre a importância deste gesto voluntário para salvar vidas e consequentemente, repor bolsas de sangue na Hemoba e fidelizar novos doadores”, ressalta.

Alcance – De acordo com a responsável administrativa da Unidade de Coleta e Transfusão (UCT) da Fundação Hemoba no Município de Seabra – unidade que abraçou a causa -, Cyntia Maria Nunes Ribeiro, a meta da entidade é atingir o número de 380 bolsas de sangue, durante os quatro dias de campanha em que, a Unidade Móvel ficará na Praça Central Sérgio Alvim Mota.

“Um dos principais desafios que enfrentamos para manter os bancos estáveis é o fato de que muitas pessoas só doam quando há alguém conhecido precisando de sangue. Nosso objetivo é elevar o número de pessoas que doam de forma espontânea e contínua e por isso, o apoio de instituições parceiras, como nesta campanha, são tão importantes para atingirmos o índice ideal estipulada pela OMS”, avalia Cyntia.

O cadastro de doadores iniciará a partir das 7h30min estendendo-se até às 18h, exceto na sexta-feira, quando exclusivamente, o atendimento do Hemóvel será até às 12h. Paralelo a campanha serão oferecidos os serviços gratuitos de teste de glicose, aferição da pressão arterial e atividades físicas.

Para doar é preciso ter idade entre 16 e 69 anos. Para os menores (entre 16 e 18 anos) é necessário o consentimento dos responsáveis. Entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se já tiver feito alguma doação antes dos 60. Também é preciso pesar no mínimo 50 quilos e estar em bom estado de saúde.

Além disso, o doador tem que estar descansado, não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação, não fumar por pelo menos 2 horas antes da doação e não estar em jejum. No dia da doação, é imprescindível levar documento de identidade com foto.

SERVIÇO
Ação: Campanha de Doação de Sangue Doar Faz Bem
Quando: 29 de agosto a 1º de setembro
Horário: 7h30min às 18h
Local: Praça Central Sérgio Alvim Mota (Luís Eduardo Magalhães/BA)

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.