Centro Pan-Americano de Judô é entregue em Lauro de Freitas

Secom Bahia | Fotos: Raul Golinelli O Centro Pan-Americano de Judô (CPJ), equipamento construído na praia de Ipitanga, no município de Lauro de Freitas, foi entregue nesta segunda-feira, 28, à Confederação Baiana de Judô (CBJ), pelo governador Jaques Wagner e pelo ministro do Esporte, Aldo Rebelo. O empreendimento é o mais novo e moderno centro […]

Em 28/07 de 2014

Secom Bahia | Fotos: Raul Golinelli

01O Centro Pan-Americano de Judô (CPJ), equipamento construído na praia de Ipitanga, no município de Lauro de Freitas, foi entregue nesta segunda-feira, 28, à Confederação Baiana de Judô (CBJ), pelo governador Jaques Wagner e pelo ministro do Esporte, Aldo Rebelo. O empreendimento é o mais novo e moderno centro de excelência de judô construído na América do Sul e, em novembro, já recebe a seleção italiana para uma competição inaugural.

“O judô é uma formação do ser humano. São atletas centrados, com disciplina. Eu me orgulho desta ser uma das modalidades que mais medalhamos nas Olimpíadas. O judô é um elemento de educação e de formação do caráter. O centro é um templo do esporte. Não tenho dúvida que este é um investimento para o futuro”, afirmou o governador.

Construído pelo Governo da Bahia, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com o Ministério do Esporte, a Confederação Pan-Americana de Judô e a prefeitura de Lauro de Freitas, o Centro Pan-Americano de Judô contou com um investimento de R$ 43 milhões.

Olimpíadas 2016
Com a assinatura do Termo de Cessão de Uso, o Centro, que conta com uma área de 20 mil m², será equipado pela CBJ para sediar os treinamentos da seleção brasileira de Judô, visando à classificação do Brasil entre os dez maiores medalhistas nas Olimpíadas 2016, que será realizada no Rio de Janeiro.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.