CDL entra com ação judicial contra operadoras de telefonia

Bruna Pires | Assessoria CDL Diante das dificuldades enfrentadas pela maior parte dos empresários, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Barreiras entrou no dia 7 de maio com uma ação civil pública denunciando os serviços de telefonia e internet oferecidos na cidade. O documento foi enviado para o Ministério Público da Bahia, e solicita a […]

Em 04/06 de 2014

Bruna Pires | Assessoria CDL

01Diante das dificuldades enfrentadas pela maior parte dos empresários, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Barreiras entrou no dia 7 de maio com uma ação civil pública denunciando os serviços de telefonia e internet oferecidos na cidade.

O documento foi enviado para o Ministério Público da Bahia, e solicita a abertura de inquérito contra as operadoras Claro, Oi, Tim, Vivo e também Anatel. O processo está em trâmite na Justiça Federal de Barreiras. Na ação foi solicitada uma tutela antecipada, que pede as empresas de telefonia explicações sobre a qualidade dos serviços e se melhorias estão sendo feitas para o aprimoramento da conexão.

“Este é um passo importante para o desenvolvimento do comércio local. Estamos lutando pela melhoria dos serviços de telefonia e internet da cidade e essa é uma das nossas prioridades no momento. Se tivermos uma boa conexão de internet em Barreiras, iremos beneficiar não só os comerciantes mas também os consumidores”, declara Rider Castro Presidente da CDL.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.