Bahia Pesca capacita técnicos para assistência técnica em aquicultura

Ascom Bahia Pesca A Bahia Pesca e a Fundação Baía Azul realizam, nesta semana (de 18 a 21/03), um curso de capacitação em aquicultura para 15 técnicos das duas entidades. O curso irá abordar o manejo da produção de pescado, cultivo de peixes de água doce e águas marinhas, novas tecnologias produtivas, legislação ambiental, impactos […]

Em 17/03 de 2014

Ascom Bahia Pesca

01A Bahia Pesca e a Fundação Baía Azul realizam, nesta semana (de 18 a 21/03), um curso de capacitação em aquicultura para 15 técnicos das duas entidades. O curso irá abordar o manejo da produção de pescado, cultivo de peixes de água doce e águas marinhas, novas tecnologias produtivas, legislação ambiental, impactos ambientais da atividade produtiva e a importância da geração de renda e alimentos para as comunidades.

“Estamos formando multiplicadores do conhecimento, que irão repassar para os pescadores baianos as novidades do setor, tanto em termo de técnicas quanto em relação às tecnologias”, explica o presidente da Bahia Pesca, Cássio Peixoto.

O curso terá uma carga horária de 24 horas e contará com aulas teóricas na sede da Bahia Pesca, em Salvador, e aulas práticas na Fazenda Oruabo,localizada na cidade de Santo Amaro.

“Uma das principais atividades da Bahia Pesca, vinculada à Secretaria da Agricultura (Seagri), é justamente oferecer assistência técnica aos piscicultores e aquicultores, então é essencial que nossa equipe esteja sempre atualizada e apta a aumentar a produtividade dos profissionais da pesca na Bahia”, acrescentou o assessor de Projetos Institucionais da Bahia Pesca, Eduardo Rodrigues.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.