Tito se reúne com o Ministro General Santos Cruz para tratar das demandas do Oeste da Bahia

Na pauta, dentre outras, ações de segurança e mobilidade em Barreiras

Em 11/06 de 2019

O deputado federal Tito (Avante/BA) tem diagnosticado os problemas de segurança e mobilidade nos municípios do Oeste e reivindicado, dos órgãos federais, ações gerais e de infraestrutura que priorizem a região.

Na manhã desta terça-feira (11), Tito esteve reunido com o Ministro da Secretaria de Governo, General Santos Cruz, no Palácio do Planalto.

Durante a reunião, o deputado pediu celeridade e a interseção do Ministro nos diversos pleitos por ele enviados ao Departamento Nacional de Trânsito (DNIT) e ao Exército Brasileiro, com demandas de segurança e mobilidade para o município de Barreiras e para Luís Eduardo Magalhães.

O deputado solicitou ainda, a liberação de importantes emendas destinadas para os municípios do Oeste da Bahia, pendentes de execução.

Por fim, ainda debateram sobre a importância do fortalecimento das ações do Fundo Soberano do Nordeste para impulsionar o desenvolvimento da região.

“Me senti muito gratificado pela atenção do Ministro, e principalmente por ele demonstrar sensibilidade aos nossos pedidos em favor dos municípios do Oeste da Bahia. Muitas boas iniciativas começarão a acontecer em breve em favor de nossa população”, disse Tito.

4 comentários

Damião da Silva reis
Comentou em 11/06/19

Parabéns ao deputado federal Tito deus abencoi

Nelci de Oliveira
Comentou em 11/06/19

Parabéns ilustre Deputado Tito, procurando preorizar as ações que mais afetam a região em um todo, e não somente um ou dois municípios.

Zico Cappellesso
Comentou em 11/06/19

Nossas demandas são muitas, porém turismo estamos devagar!! Exemplo Cachoeira do acaba vida, entregar para iniciativa privada e outras atrações turísticas da região..

Carine Feitosa
Comentou em 12/06/19

O Oeste da Bahia encontra-se legitimamente representado. Parabéns Deputado Tito

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.