Tito recebe em Brasília os vereadores de Malhada, Manoel Messias e Jorge Aragão

Audiência faz parte da defesa de implantação do Projeto de Irrigação do Vale do Iuiú, sonho antigo de proprietários de terras da região que, quando concretizado, proporcionará geração de emprego e renda modificando o perfil sócio econômico da localidade

Em 11/09 de 2019

Ascom Deputado Tito (Avante/BA)

O deputado federal Tito (Avante/BA) recebeu em seu gabinete em Brasília, nessa terça-feira (10), o Presidente da Câmara Municipal do município de Malhada, Manoel Messias, e o vereador Jorge Aragão. Ambos foram à Capital Federal para uma audiência pública da Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia (Cindra), para discutir a implantação do Projeto de Irrigação do Vale do Iuiú.

O projeto é um sonho antigo de proprietários de terras na região que, quando concretizado, proporcionará geração de emprego e renda, impactando positivamente no perfil sócio econômico da localidade. De acordo com os vereadores, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), informou, por meio de sua assessoria, que os estudos de viabilidade técnica para implantação do projeto já estão concluídos.

“A concretização desse projeto é de suma importância para o município de Malhada e para toda a região, haja vista que a irrigação garante a produção agrícola, considerada como elemento fomentador do desenvolvimento socioeconômico, oportunizando incremento de renda oriundo da produção e comercialização agrícola. O projeto garantirá também a implantação e ampliação dos núcleos de serviço na localidade, que passará a contar com equipamentos urbanos básicos. De modo que reafirmamos nosso compromisso e estamos nos empenhando e à disposição para encaminhar os pleitos às instâncias responsáveis, e estarei em Brasília acompanhando de perto a efetivação desse importante projeto”, declarou Tito.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.