Preso homem que assediava menores pela internet

Por: Sandra Cristina – correspondente na Espanha Agentes da Polícia Nacional em Málaga, sul da Espanha, prendeu um homem de 27 anos que, presume-se ter assediado a 283 meninas mediante técnicas de “grooming” (aliciamento). O joven contatava através das redes sociais com adolescentes com idade entre 13 e 16 anos e ganhava sua confiança para […]

Em 13/01 de 2014

Por: Sandra Cristina – correspondente na Espanha

01Agentes da Polícia Nacional em Málaga, sul da Espanha, prendeu um homem de 27 anos que, presume-se ter assediado a 283 meninas mediante técnicas de “grooming” (aliciamento). O joven contatava através das redes sociais com adolescentes com idade entre 13 e 16 anos e ganhava sua confiança para em seguida pedir-lhes fotografías pornográficas.

Se as vítimas não lhe enviassem as fotos, ele fazia montagens colocando outro corpo nú para chantageá-las publicando na rede. O acusado é de nacionalidade espanhola e se encontra atuamente na prisão.

A investigação se iniciou a partir de uma denúncia de uma joven de 13 anos que assegurava estar sendo assediada por um homem que havia contatado pela internet. Uma vez que ganhou sua confiaça, ele conseguiu seu número de telefone, daí começou também a receber ameaças através de uma aplicação de menssagem instantânea.

A polícia iniciou uma investigação e a partir da localização de diferentes perfis relacionados, chegou finalmente à identendidade do homem que atuava com um perfil de adolescente.

O acusado solicitava amizade de suas vítimas através do facebook, pasando-se por um adolescente e posteriormente ao primeiro contato, lhes informava, por chat, sua suposta idade, características físicas e pessoais, “todas elas de grande atrativo para as jovens”. Após ganhar a confiança, as jovens ja enviavam as fotos “normais”, mas o homem queria umas mais ousadas e em caso de recusa, ele fazia as montagens e as chantageavam, algumas, inclusive, ligavam a webcan para mostrar “algo mais”.

Com isso, a policía espanhola vem recordando a importância de educar os filhos no que diz respeito a navegação em redes sociais para evitar que sejam vítimas de “grooming” e outros delitos.

Entre esses conselhos, destaca-se em nunca proporcionar ou compartilhar imagens privadas ou comprometedoras através de redes sociais; e desconfiar sempre dos desconhecidos, já que “no mundo virtual nem todo mundo é quem diz ser”.

Se recomenda ainda a manter os computadores e smartphone sempre atualizados e protegidos para evitar roubos de arquivos; não ceder nunca a chantagens e solicitar a ajuda de um adulto ou da própria polícia em caso de estar sendo vítima de assédio ou intimidação pela internet. Os ciberagentes da polícia espanhola tem sempre à disposição do cidadão, um site para denunciar esses casos.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.