Operação Safra frustra tentativa de assalto em fazenda de São Desidério

Ana Caroline Tavares | Ascom Aiba A Companhia Independente de Policiamento Especializado/Cerrado (Cipe Cerrado) frustrou, na noite de ontem, 11, um assalto a uma propriedade rural localizada no município de São Desidério. Cerca de doze homens encapuzados e fortemente armados tentaram assaltar uma fazenda. A Cipe Cerrado foi acionada e duas viaturas se deslocaram imediatamente […]

Em 13/02 de 2015

Ana Caroline Tavares | Ascom Aiba

A Companhia Independente de Policiamento Especializado/Cerrado (Cipe Cerrado) frustrou, na noite de ontem, 11, um assalto a uma propriedade rural localizada no município de São Desidério.

01

Cerca de doze homens encapuzados e fortemente armados tentaram assaltar uma fazenda. A Cipe Cerrado foi acionada e duas viaturas se deslocaram imediatamente até a propriedade. Com a chegada da polícia, os assaltantes terminaram fugindo. Durante toda a noite foram realizadas diligências com o intuito de localizar os veículos utilizados pelo bando, mas nada foi encontrado.

Com um efetivo de 72 homens e o apoio de seis viaturas e um helicóptero, as patrulhas estão circulando na zona rural dos 31 municípios do Oeste da Bahia, fazendo o monitoramento das propriedades.

A Operação Safra, realizada pela Polícia Militar, através da Cipe Cerrado, 10º Batalhão e 3ª Companhia de Polícia Rodoviária, completou três meses de atuação, em janeiro, sem o registro de qualquer tipo de ocorrência de assaltos nas propriedades agrícolas da região.

Capitão Quesado, chefe de planejamento operacional da Cipe Cerrado, fez uma avaliação positiva da operação até o momento, ressaltando que “sem dúvida a Operação Safra trouxe bons frutos tanto para a segurança pública como para os fazendeiros que estão sempre em sintonia com a Cipe Cerrado”. Este resultado reafirma a efetividade da ação realizada pela PM para devolver a paz no campo.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.