Ato de sabotagem derruba linha de transmissão e prejudica expansão do setor elétrico no Oeste da Bahia

O crime cometido, ainda na fase de investigação por parte da Polícia Civil da Bahia, pode gerar prejuízos à empresa na ordem de R$ 20 milhões

Em 30/08 de 2019

Araticum Comunicação

Principal transmissora de energia elétrica para o Oeste da Bahia, a Paranaíba Transmissora de Energia S.A sofreu um atentado criminoso neste mês de agosto, no dia 10, quando uma das suas linhas de transmissão em operação no município de São Desidério foi derrubada em um ato de sabotagem. O crime cometido, ainda na fase de investigação por parte da Polícia Civil da Bahia, pode gerar prejuízos à empresa na ordem de R$ 20 milhões.

Com uma demanda crescente por energia elétrica, principalmente para a implantação de indústrias, este atentado pode colocar em “xeque” futuros investimentos para a implantação de novas linhas, impedir o desenvolvimento socioeconômico do Oeste da Bahia ou até mesmo causar falta de energia elétrica, comprometendo residências e o comércio da região de Barreiras e Luís Eduardo Magalhães e, assim, a vida econômica e social da população.

A sabotagem aconteceu na noite do dia 10 de agosto em uma torre do tipo estiada localizada no distrito da Ilha do Vítor, na zona rural de São Desidério, que por sorte não impactou a distribuição de energia às residências e do comércio em toda a região de Barreiras. Este é o segundo atentado cometido este ano, sendo o primeiro em janeiro, no dia 15, quando foi derrubada uma linha de transmissão, também no município de São Desidério, e prejudicou o fornecimento de energia elétrica na Bahia e no Tocantins.

1 comentário

EDILAMAR Barboza de Castro
Comentou em 02/09/19

Esses crimes, devem ser devidamente apurados, identificados seus autores e esses amplamente divulgados. E os mesmos deverão ressarcir aos cofres públicos pelos danos causados. Fazem parte de um grupo que se beneficiou, enriqueceu às custas do sangue do povo brasileiro.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.