Monstros e assombrações folclóricas invadem a Estrela Cultural

Conheça o “Monstronário”, guia ilustrado e bem humorado com as criaturinhas mais assustadoras do país, de A a Z. Escrita por Lúcia Tulchinski, a obra é uma ótima ferramenta para crianças aprenderem sobre o nosso folclore

Em 25/09 de 2019

Gabriela Cuerba | LC Comunicação

Muitos dizem que eles vivem apenas na imaginação daqueles que adoram contar histórias. Mas quem pode garantir?

Dos confins do Sertão, das florestas escuras, dos lagos, mares e cachoeiras vêm as lendas mais divertidas e assustadoras sobre monstros, assombrações e criaturas que fazem travessuras por todo o Brasil.

Com histórias e características de diversos seres fantásticos, a obra Monstronário, Monstros e assombrações do Brasil de A a Z, da escritora e jornalista Lúcia Tulchinski e publicada pela Editora Estrela Cultural, apresenta personagens do folclore nacional em ordem alfabética, o que ajuda os pequenos leitores a se familiarizarem com as letras e com a cultura do país. Além disso, cada figura folclórica tem uma Identidade Monstruosa, com dados como peso, altura, curiosidades e região onde vive.

Nas páginas do livro, trinta e sete seres como Bicho-Papão, Tutu Marambá, Pisadeira, Quibungo e Lobisomem, desfilam seus adoráveis trejeitos assustadores de forma lúdica e bem-humorada. Definitivamente, Monstronário possui um repertório único, no qual o fantástico convive com o popular, traduzindo de maneira dinâmica, para os pequenos, nossa imensa riqueza cultural.

Com o passar do tempo, as lendas dos povos se misturaram, gerando novas versões, com tempero brasileiro e pitadas regionais. Portanto, qualquer semelhança com lendas de outras terras não é mera coincidência. Somos formados por muitos povos que andam para todo lado, em busca de novas experiências e sustos. (p.08)

Com uma escrita cativante e sutil, Lúcia motiva a criança a se aventurar nos contos e interagir com a obra. Animado e delicado, o livro é ilustrado por Alexandre Carvalho. Seus desenhos vibrantes e coloridos, além de enriquecerem as páginas, são um convite à criatividade para leitores de qualquer idade e tornam a interação entre adultos e crianças mais divertida. Esse livro é um exercício à imaginação que transforma a leitura em uma experiência mágica.

Ficha técnica
Título: Monstronário, Monstros e
assombrações do Brasil de A a Z
Autora: Lúcia Tulchinski
Editora: Estrela Cultural
Indicação: A partir dos 6 anos de idade
Ilustração: Alexandre Carvalho
Temas transversais: Folclore
ISBN: 978-85-45559-67-2
Páginas: 84

Sobre a autora: Lúcia Tulchinski nasceu em Campo Grande (MS) em 1964, passou a infância em Curitiba e vive em São Paulo desde 1989. Iniciou a carreira de escritora em 1994, com a publicação dos livros Vupt, a fadinha e O porta-lápis encantado, ambos pela Editora Scipione. Pela coleção Reencontro Infantil, também da Editora Scipione, publicou as adaptações dos clássicos Fábulas de Esopo, Fábulas de Jean de La Fontaine, Viagem ao centro da Terra, Viagens de Gulliver e O Mágico de Oz. Em 2018, lançou o audiolivro O Mágico de Oz pela Editora Livro Falante. Formada em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná, atuou em editoras, agências de comunicação e instituições. Foi roteirista dos programas de TV O agente G (premiado pela APCA como melhor programa infantil em 1997), Bill Body, Mundo Maravilha e Note e Anote, da Rede Record; e Dia a Dia, da TV Bandeirantes. Dedica-se atualmente a projetos autorais e de criação de conteúdo, faz palestras de incentivo à leitura em escolas e bibliotecas, além de oficinas de escrita criativa em instituições culturais.

Sobre o ilustrador: Alexandre Carvalho nasceu em Paracatu (MG) em 1988 e se mudou para Uberlândia (MG) em 1995. Graduado em Artes Visuais pela Universidade Federal de Uberlândia em 2011, sempre se interessou por ilustração e histórias em quadrinhos. É ilustrador desde 2012, quadrinista desde 2015 e leciona desenho desde 2013. Participou das antologias de quadrinhos Basídio 1 (2015), com a história “O Andaleço”, Gibi Quântico 2 (2016), com a história “Conexão Urbana”, em parceria com a roteirista Sabrina Paixão, e Basídio 2 (2018), com a história “Totentanz”, em parceria com Beto Martins e Rosemário Souza. Produziu, com Jun Sugiyama, a HQ Romaria (2018), vencedora na categoria Bronze no 12° Prêmio Internacional do Japão de Mangá. Ainda no final de 2018, publicou a HQ Receituário: Especiarias, com roteiro de Francesca Fermata. Recentemente, produziu o livro Manual de Como Fazer sua Mosca Transgênica, em parceria com a bióloga Fabíola Fonseca e com os artistas João Agreli e Rosemário Souza.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.