13/março/2019- Atualizado em 13/03/2019 13:32:56

Governo do Estado anuncia mais de R$1,2 milhão para projetos produtivos de Casa Nova

O Governo do Estado anunciou, na terça-feira (12), R$1,2 milhão de investimento, que beneficiará diretamente 163 famílias de agricultores familiares de Casa Nova, Território Sertão do São Francisco.

Em evento realizado no município, o governador Rui Costa autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), a assinar seis convênios, no âmbito do projeto Bahia Produtiva.

O governador falou sobre a importância do Bahia Produtiva para o fortalecimento da economia nos pequenos municípios: “Nós tomamos empréstimo no Banco Mundial para poder aumentar a produção na Bahia. Eu tomei um susto quando descobri que, para alimentar os 15 milhões de baianos, nós tínhamos que comprar de outros estados ovos de galinha, frango, carne, farinha de mandioca, leite e outros produtos. É melhor produzir isso aqui para que o dinheiro possa circular no estado. Por isso, estamos apoiando associações e cooperativas para que elas possam produzir mais e com mais qualidade. Assim, em vez de comprar, nós vamos vender. E esse dinheiro vai circular no comércio da região, empregando mais gente”.

Os convênios foram firmados com a Associação dos Quilombolas do Sítio Lagoinha, selecionada no edital de Socioambientais Quilombolas, e com a Associação de Fundo de Pasto dos Agricultores e Moradores de Salina da Brinca; de Fundo de Pasto dos Pequenos Produtores de Sítio Melancia; de Moradores e Produtores de Curralinho Fazenda Boa Vista e Adjacências; de Fundo de Pasto dos Pequenos Produtores e Apicultores de Ladeira Grande; e dos Pescadores e Apicultores de Casa Nova, selecionadas no edital de Qualificação de Agroindústrias.

O secretário de Desenvolvimento Rural, Josias Gomes, enfatizou que esse investimento trará impacto no dia a dia dos agricultores familiares: “São projetos de agroindústrias que têm um impacto forte no aumento da renda e na possibilidade de inserir no mercado mais produtos da agricultura familiar. Além disso, traz estímulo aos trabalhadores para que se capacitem e possam produzir mais e melhor. Estamos dando uma lição para o mundo de como devemos agir com esse setor da agricultura tão importante, que é a agricultura familiar”.

O presidente da Associação dos Pescadores e Apicultores de Casa Nova, Isaias do Nascimento, celebra a assinatura do convênio, que promoverá a adequação da unidade de beneficiamento do pescado. Ele acredita que por meio dos novos investimentos, será possível alavancar a produção: “Agora vai ser bom para o pescador, vamos aumentar a produção e, melhor ainda, vai ser para os alunos, pois vamos fornecer peixes para alimentação escolar da sede e da área rural. Nossa expectativa é aumentar a renda e assim melhorar 100 %.

A Associação dos Quilombolas do Sítio Lagoinha será contemplada com aviários e matrizes, canteiros, cisternas, viveiro para a produção de hortaliças e capacitação. O presidente da associação, José Henrique, festeja a assinatura do convênio: “Nossa estimativa é que envolva mais os jovens e mulheres e que traga renda para as 60 famílias envolvidas. Estamos muito felizes em conquistar esse primeiro convênio do projeto que, com certeza, trará mais desenvolvimento e vai fortalecer a nossa comunidade. Além disso, agora temos estímulo para resgatar nossas produções, como a da mandioca”.

O conteúdo de cada comentário é de exclusiva responsabilidade do autor e mensagens ofensivas não serão postadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!