Nova diretoria da ABL toma posse dia 15

Na oportunidade serão lançados livros de autores locais e de membros da instituição

Em 06/02 de 2020

Assessoria ABL | Imagem destaque: Professor Valney Dias Rigonato, assume presidência da ABL dia 15 de fevereiro | Foto: Divulgação

A diretoria eleita para dirigir a Academia Barreirense de Letras (ABL) no biênio 2020/2021 será empossada dia 15 de fevereiro em evento no Centro Cultural Rivelino Carvalho, a partir das 19h. Na oportunidade serão lançados livros de autores locais e de membros da instituição.

O goianiense Valney Dias Rigonato, 40 anos, vai assumir o cargo de presidente da mesa diretora, sucedendo a professora Ananda Lima e trazendo a experiência de pesquisador e professor universitário, para agregar forças à academia.

Assumir a presidência da ABL, que completa 15 anos em 2020, “é um grande desafio, que se torna mais prazeroso devido a nossa diretoria ter pessoas competentes e compromissadas”, afirmou.

Ele salientou que existe o desafio “de darmos continuidade aos projetos da gestão anterior e também de aproximar a ABL do público universitário, escolar e da sociedade de Barreiras e Oeste da Bahia”.

Para Rigonato, entre os projetos já traçados para a próxima gestão, existe a proposta de ocupar o espaço virtual através de um portal “e consolidar o espaço físico da nossa sede, que foi anunciado na Flib de 2018 pelo poder executivo de Barreiras”, enfatizou.

Ele disse ainda que dentre outros trabalhos relevantes da instituição na área artística e cultural, “nós acreditamos que a ABL pode auxiliar na formação de professores(as) e na popularização da literatura e dos autores de Barreiras e região”, destacou.

Apaixonado pela leitura de bons livros, pelas artes e amante dos bens naturais e socioculturais dos Cerrados, o novo presidente da academia é autor, coautor e organizador de diversos livros entre didáticos e científicos, principalmente com foco na sua área de atuação: o ensino de Geografia.

Os demais membros da mesa diretora são a jornalista Miriam Hermes, como vice-presidente; a professora Ignez Pita e o músico, cordelista e teólogo Robson Batista, como secretários; o bacharel em Direito e Administração Carlos Abdon e o publicitário Tenório Souza como tesoureiros.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.