Câmara de Barreiras outorga Título de Cidadão Barreirense ao médium Divaldo Franco

A proponente, vereadora Graça Melo, destacou o objetivo da outorga justificando a estreita relação e contribuição do professor e orador espírita com Barreiras e em reconhecimento à sua significativa obra social e militância em favor da Paz

Em 04/11 de 2019

Reconhecido por ser um dos maiores médiuns da atualidade, o líder espiritualista Divaldo Pereira Franco, que já publicou mais de 250 livros psicografados, foi homenageado nessa segunda-feira (04), em Sessão Solene na Câmara de Barreiras, com a outorga do Título de Cidadão Barreirense.

A honraria atendeu uma propositura da vereadora Graça Melo (PTB) que destacou o objetivo da outorga justificando a estreita relação e contribuição do professor e orador espírita com Barreiras e também em reconhecimento à sua significativa obra social e militância em favor da Paz.

“Em cada uma de suas atividades ele prega a paz e influencia a vida de milhares de pessoas, os números falam por si. Mesmo com seus 90 anos, segue em plena atividade fazendo da sua crença um verdadeiro apanágio da luta pela fraternidade e paz entre os homens”, destacou a vereadora.

Esta foi mais uma entre centenas de homenagens, das mais diversas origens, que o orador baiano recebeu, como o Título de Embaixador da Paz no Mundo, pela Universidade da Paz em Genebra, e o de Embaixador da Bondade no Mundo, pela Fundação de Monges Tibetanos, Kelsang Pawo.

A condecoração para Divaldo contou com a participação de autoridades civis e militares, membros e secretários municipais, vereadores, comunidade e representantes do espiritismo em Barreiras.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.