04/janeiro/2019- Atualizado em 04/01/2019 7:31:55

Aplicativo gratuito supera número de lotéricas e movimenta R$ 3,4 milhões ao mês na Bahia

Celcoin já responde por até 20% da renda familiar dos agentes que operam no estado

O Celcoin, aplicativo gratuito para pagamentos e transações financeiras, é responsável por movimentar R$ 3,4 milhões por mês no estado da Bahia. Com mais de 12 mil agentes ativos no país (e 1.300 no estado), o aplicativo se tornou uma ferramenta importante em regiões com pouco acesso a serviços financeiros, pois possibilita o pagamento de contas e recarga de celulares diretamente pelo sistema.

A Bahia expande seu mercado e gera boas fontes de renda complementar com soluções tecnológicas diversas nos últimos anos. Exemplo desse crescimento é a chegada de fintechs – startups de tecnologia voltadas à serviços financeiros – que atuam nas regiões mais remotas do estado, onde há carência de tecnologias específicas para o pequeno e médio empreendedor, além de uma redução recorrente de agências bancárias – um total de 1.500 agências foram fechadas no Brasil só em 2017. Em agosto de 2018 existiam 798 casas lotéricas.

Atualmente, o foco de atuação da empresa se concentra nas regiões Norte, Nordeste e nas periferias de outras regiões por encontrar uma oportunidade de democratizar o acesso a transações financeiras.

Prova da receptividade do estado para novas tecnologias é a grande expansão do Celcoin. Focado em PMEs e autônomos, o aplicativo gratuito transforma o smartphone em uma maquineta de serviços financeiros para pagamento de contas, recargas de celular e compra de conteúdo digital e passagens de ônibus, entre outros serviços.

Permitindo que os usuários ganhem uma renda extra de acordo com a quantidade de transações realizadas no app, a fintech conta atualmente com 1.300 “agentes Celcoin” em todo a Bahia, totalizando mais de 102 mil transações pelo aplicativo, atendendo mais de 50 mil clientes em movimentações que atingiram a marca de R$3,4 milhões somente no último mês. Estudo recente da empresa revela que o número de agentes Celcoin na Bahia ultrapassou a quantidade de lotéricas em todo o estado – aproximadamente 798 unidades em toda Bahia. O Celcoin representa atualmente de 10 a 20% da renda familiar dos agentes que operam no estado e 58% do uso do app no país se concentra na região Nordeste.

Após crescer 514% entre 2017 e 2018, empresa pretende superar, em usuários do aplicativo, número de agências bancárias e casas lotéricas por todo o País em até dois anos. No Brasil, o Celcoin fechou o mês de novembro com 1,2 milhões transações e volume financeiro transacionado de R$ 60 milhões de reais. A empresa, que tem como principal objetivo democratizar a inclusão tecnológica do pequeno empreendedor brasileiro, pretende atingir mais de R$1 bilhão em valor transacionado até o fim de 2018.

Sobre o Celcoin
Lançado em 2016, o Celcoin é um aplicativo que transforma qualquer smartphone em um terminal para recebimento de contas, recarga de celular, jogos, passagens rodoviárias, planos de TV e até mesmo venda de créditos para Uber e Netflix. Com a utilização do Celcoin, autônomos, pontos de venda e varejistas podem obter uma renda extra oferecendo diversos serviços para seus clientes e contatos.

Atuando no país via 12.000 “agentes Celcoin”- pequenos empreendedores que usam o app para adquirir a renda extra, a empresa superou a marca de 10 milhões de transações em 2018, conquistando em 2017 os títulos, como “Melhor Startup do Brasil” pelo grupo de investidores suiços Seedstars, “Melhor Fintech do País” pelo BBVA Open Talent e, neste ano, a empresa participou do Programa de Aceleração da Visa. O objetivo do Celcoin é transacionar R$1 bilhão em serviços em 2018.

O conteúdo de cada comentário é de exclusiva responsabilidade do autor e mensagens ofensivas não serão postadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!