Pacotes de sementes misteriosas da China já chegaram nas cidades baianas

O Ministério da Agricultura e a Adab orientam a população não abrir e a entregarem esses pacotes para os órgãos competentes

Em 05/11 de 2020

Imagens destaque: Retiradas do vídeo disponível no canal Aiba Oficia no Youtube

Pacotes de sementes misteriosas tem surpreendido brasileiros que compram em sites da China. O brinde sem identificação e que não foi solicitado tem chegado ao Brasil desde setembro e, desde então, tem intrigado os governantes. Esse problema também foi identificado nos Estados Unidos e no Canadá, porém a China nega o envio das sementes.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) chegou a emitir um alerta de preocupação com a situação e no dia 23 de setembro, a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) também reforçou a advertência sobre o perigo das sementes misteriosas.

Foto: Retirada do vídeo disponível no canal Aiba Oficia no Youtube

Segundo o Mapa, a importação de vegetais sem autorização é proibida, uma vez que pode introduzir pragas ou doenças que não existem ou que já estão erradicadas no país, o que pode devastar plantações e prejudicar a agricultura local. Além disso, ainda não se sabe se as plantas que desenvolvem a partir dessas sementes são tóxicas ao ser humano ou se podem acarretar prejuízos ao meio ambiente.

O Mapa alerta que os pacotes de sementes misteriosas já foram identificados em oito estados, incluindo a Bahia. De acordo com a Adab, as sementes já foram identificadas em Teixeira de Freitas, Paulo Afonso, Gongogi, Conceição de Abaeté, Lauro de Freitas, Itabuna e Candiva. No total, a agência já recolheu 11 pacotes de sementes e 2 plantas vivas na Bahia, que foram enviadas ao laboratório do Mapa em Goiânia.

Recebi uma encomenda da China com esses pacotes. E agora?

Foto: Retirada do vídeo disponível no canal Aiba Oficia no Youtube

Tanto o Mapa, quanto a Adab orientam as pessoas que receberam os pacotes de semente misteriosas da China a não abrir essas embalagens. Também não é aconselhável descartar o material no lixo ou plantar as sementes, pois ainda não se sabe se essas sementes são nocivas.

Caso o cidadão receba esses pacotes, deve entregá-los imediatamente na sede do órgão de defesa agropecuária do seu município, como a Adab e o Mapa, para que o conteúdo seja investigado.

Vale lembrar que o cidadão não será punido ao entregar as sementes adquiridas ou recebidas de remetentes desconhecidos, nem mesmo caso tenha realizado o plantio. O importante é entregar esses materiais aos órgãos competentes.

A possível fraude dos pacotes de sementes misteriosas

Foto: Retirada do vídeo disponível no canal Aiba Oficia no Youtube

As investigações quanto a natureza das sementes misteriosas continua em andamento. Porém, o Departamento de Agricultura dos EUA suspeita que o envio de sementes pode estar relacionado a uma fraude denominada “brushing”, que é o envio de mercadorias não-solicitadas para registrar contas falsas.

Os endereços usados nessa fraude geralmente têm origem em dados vazados de lojas ou de outros pedidos realizados pelo consumidor. Como as sementes são pequenas e leves, são excelentes ferramentas para aplicar a fraude.

De qualquer forma, as investigações continuam e o risco dos pacotes misteriosos carregarem sementes contaminadas ou tóxicas ainda não foi descartado. Por isso, todo cuidado é pouco.

Seja integrante de nossos grupos de WhatsApp!
Falabarreiras Notícias 01
Falabarreiras Notícias 02
Falabarreiras Notícias 20

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.