CNA e Federações conhecem inovação tecnológica no Oeste da Bahia

Grupo formado pelos presidentes da CNA e federações visita propriedades em Barreiras e Luís Eduardo Magalhães

Em 31/10 de 2019

Imagem destaque: Luís Eduardo Magalhães – BA. CNA e Federações visitam produção de grãos, fibras e confinamento na Bahia | Foto: Wenderson Araujo/Trilux

A Diretoria Executiva da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e presidentes de Federações de Agricultura e Pecuária visitam nesta semana uma série de propriedades rurais em Barreiras e Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, para conhecer fazendas que são referências em inovação tecnológica.

O grupo conhecerá fazendas de produção de algodão, grãos e pecuária de corte. A ideia é mostrar experiências bem sucedidas que transformaram a economia e a produção agropecuária na região, com tecnologias que aumentaram a produtividade e melhoraram a rentabilidade do produtor rural.

Os presidentes da CNA, João Martins, e da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (Faeb), Humberto Miranda, estarão na comitiva.

A programação começa na terça (29), em Barreiras, com uma visita à Fazenda Ipê, conhecida pela produção sustentável de pecuária de corte com a criação das raças de gados Nelore e Angus, onde são realizadas todas as etapas, desde a inseminação até a comercialização.

Luís Eduardo Magalhães – BA. CNA e Federações visitam produção de grãos, fibras e confinamento na Bahia | Foto: Wenderson Araujo/Trilux

Na quinta (31), a comitiva segue para Luís Eduardo Magalhães e vai a três propriedades: Captar Agrobusiness, que atua no confinamento de animais; Oilema (produção de sementes); Orquídea Schmidt Agrícola (grãos e algodão) e Ubahia (algodão).

A agenda termina na quinta (31) com um café da manhã com lideranças e produtores rurais do oeste da Bahia no Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.