Barreiras será sede do Fórum de Inovação e Sustentabilidade para a Competitividade

Já realizado em Salvador em outubro passado, o Fisc chega a Barreiras no próximo dia 22, com o apoio da Abapa

Em 17/11 de 2019

Ascom Abapa | Araticum Comunicação

Um amplo debate sobre estratégias para fomentar ações sustentáveis e inovadoras no agronegócio baiano está agendado para o próximo dia 22, no auditório da Câmara de Vereadores de Barreiras, das 8h às 11h30min. Trata-se do Fórum de Inovação e Sustentabilidade para a Competitividade (Fisc) que após ser realizado em Salvador em outubro passado, agora ganha a versão itinerante e chega ao Oeste do Estado. O evento tem o apoio da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), e tem como públicos alvos, poder público, estudantes e professores universitários, biólogos, agrônomos, produtores rurais, formadores de opinião e imprensa.

“É importante a participação de todos na mesa para que cada um possa ouvir e dar sua contribuição. É fundamental construir esse diálogo onde vamos tirar ações positivas”, afirma o presidente da Abapa, Júlio Cézar Busato que foi um dos palestrantes da edição soteropolitana do Fisc. Busato adianta que questões ambientais e ligadas a agricultura sustentável serão o norte das discussões do Fisc, em Barreiras. “Vamos tratar de questões do solo, conservação dos rios e dos aquíferos. Isso só tem a engrandecer o setor”, revela

Já em Barreiras a programação contará com as participações de Leandro Carrion, Gerente de otimização da John Deere (Inovação Tecnológica da Agricultura); Evaristo de Miranda, Chefe da Embrapa Territorial (O Papel da agricultura para sustentabilidade e preservação ambiental); Rodrigo Justus, assessor técnico sênior de Meio Ambiente da CNA (Direito Ambiental); Eduardo Athayde, WWI (Oeste da Bahia na era “Eco-Nomia”; Júlio Cézar Busato, presidente da Abapa (Cotonicultura no estado da Bahia); Everardo Mantovani, professor titular da Universidade Federal de Viçosa (UFV– MG) (Projeto do estudo do Aquífero Urucuia e potencial de Irrigação no Oeste da Bahia); Fernando Rati, gestor técnico da Abrapa (ABR, Algodão Brasileiro Responsável).

De acordo com o superintendente do Ibama Bahia, Rodrigo Alves a ideia de interiorizar o Fisc é de abrir um caminho de diálogo com os produtores e lançar luz sobre as boas ações que o agronegócio produz. “Nós queremos ser, ao mesmo tempo, o órgão que pune aquele que transgride a lei, mas, também, órgão que aplaude aquele que faz algo de positivo, inovador e de interessante pelo nosso Estado. Aquele que respeita o meio ambiente, em respeito às futuras gerações que dele vão precisar”, destaca.

O I Fórum de Inovação e Sustentabilidade para a Competitividade no Oeste da Bahia é uma realização do Ibama, WWI, Abapa e Aiba, com o apoio do Jornal Correio da Bahia e Fudeagro. A entrada é gratuita e durante o evento os participantes poderão fazer perguntas pelo whatsApp (77) 98825-6039.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.