Abrapa prestigia posse da nova diretoria da FPA

Virgília Vieira | Ascom Abapa (com informações da Ascom FPA) A Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), prestigiou a cerimônia de posse da nova diretoria da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que tem como novo presidente, o deputado federal, Marcos Montes (PSD-MG). A cerimônia aconteceu no dia 24 de fevereiro em Brasília/DF, e contou […]

Em 03/03 de 2015

Virgília Vieira | Ascom Abapa (com informações da Ascom FPA)

Presidente da Abrapa, João Carlos Jacobsen e o novo presidente da FPA, Marcos Montes | Foto: Ascom Abapa

Presidente da Abrapa, João Carlos Jacobsen e o novo presidente da FPA, Marcos Montes | Foto: Ascom Abapa

A Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), prestigiou a cerimônia de posse da nova diretoria da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que tem como novo presidente, o deputado federal, Marcos Montes (PSD-MG). A cerimônia aconteceu no dia 24 de fevereiro em Brasília/DF, e contou com a presença de cerca de 500 lideranças do setor produtivo e autoridades nacionais, entre elas o presidente da Abrapa, João Carlos Jacobsen, e o seu vice, Júlio Cézar Busato.

Para o presidente da Abrapa, João Carlos Jacobsen, o presidente Luiz Carlos Heinz fez um excelente trabalho contribuindo significativamente com a agropecuária brasileira. “Somos muito grato pelo trabalho e esforço que ele dedicou ao setor. O novo presidente Marcos Montes, está preparado para conduzir os trabalhos da FPA com competência e independência. Além disso, poderá contar com o apoio da competente e prestigiada ministra Kátia Abreu, que poderá nos ajudar a melhorar o desempenho da agropecuária brasileira. Presidente Marcos Montes, conte sempre com a Abrapa e com os produtores de algodão do Brasil para juntos fazermos a agropecuária brasileira melhor”, enfatizou Jacobsen.

Durante o encontro, o novo presidente da FPA, Marcos Montes, ressaltou sobre a importância do agronegócio, como o caminho da salvação do Brasil. “O Brasil somente poderá sonhar em ser um grande país, quando os agricultores brasileiros forem valorizados e receberem a merecida atenção. Não tenho dúvidas em dizer aqui que o agronegócio é o caminho da salvação do Brasil. Também não me acanho em dizer que nunca se viveu tanto pessimismo como se vive agora. Lamentavelmente, fora da porteira o produtor rural ainda enfrenta desafios, e este país só será realmente grande quando houver reconhecimento e fortalecimento do setor, principalmente por parte do governo federal”, enfatizou o presidente.

O deputado Montes também reforçou que a FPA é uma entidade suprapartidária, cujo objetivo é trabalhar na defesa dos produtores rurais – dos menores aos maiores, estejam onde estiverem eles. E voltou a defender o fortalecimento do Ministério da Agricultura, “pois queremos um ministério que tenha o mesmo status dos ministérios da Fazenda e do Planejamento”.

Marcos Montes foi empossado para o biênio 2015/16 numa cerimônia que contou com a presença também dos ministros da Agricultura, Kátia Abreu; das Cidades, Gilberto Kassab; das Relações Institucionais, Pepe Vargas; e da Ciência e Tecnologia, Aldo Rabelo. Também estiveram presentes três ex-ministros de Estado – Alysson Paolinelli, Neri Geller (Agricultura) e Odacir Klein (Transportes). Dezenas de deputados, senadores e presidentes de entidades representativas do agronegócio compareceram ao evento, além de prefeitos e vereadores.

Nova FPA – A direção da FPA ficou assim constituída: Presidente: Marcos Montes (PSD-MG); Vice-presidente no Senado, Ana Amélia; Vice-presidente na Câmara, Nilson Leitão (PSDB-MT); Vice-Presidente para a Região Norte, César Halum (PRB-TO); Vice-Presidente do Centro-Oeste, Tereza Cristina (PSB-MS); Vice-Presidente do Nordeste, Raimundo Gomes de Matos; Vice-Presidente Sudeste, Evair de Melo (PV-ES); Vice-Presidente Sul, Alceu Moreira (PMDB-RS) e Secretário, Josué Bergston (PTB-PA).

Para coordenadores foram indicados os seguintes parlamentares: Coordenador Institucional, Jerônimo Goergen (PP-RS); Coordenador Político no Senado, Waldemir Moka (PMDB-MS); Coordenador Político na Câmara, Giacobo (PR-PR) e Coordenador Jurídico, Osmar Serraglio (PMDB-PR). A diretoria da FPA é formada ainda por coordenadorias de comissões de áreas específicas: Coordenação da Comissão de Meio Ambiente, Giovani Cherini (PDT-RS), Comissão de Direito de Propriedade, Valdir Colatto (PMDB-SC); Comissão de Política Agrícola, Roberto Balestra (PP-GO); Comissão de Defesa Agropecuária, Onix Lorenzoni (DEM-RS); Comissão de Infraestrutura, Adilton Sachetti (PSB-MT) e Coordenação da Comissão Trabalhista, Nelson Marquezelli (PTB-SP).

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.