Abapa e Gotemburgo/Volvo capacitam motoristas de caminhões do setor agrícola

Com noções teóricas e atividades práticas, o curso levou noções de segurança, direção defensiva, conservação e manutenção de veículos pesados

Em 29/07 de 2020

Assessoria de Imprensa Abapa | Araticum Comunicação

Os motoristas que atuam no programa de recuperação e conservação de estradas – Patrulha Mecanizada – da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) concluíram no último sábado (18) e sexta (17) do Treinamento de Operação e Manutenção Básica de Caminhões, realizado pelo Centro de Treinamento da Abapa – Parceiros da Tecnologia, em parceria com a Gotemburgo – Volvo. Com noções teóricas e atividades práticas, o curso levou noções de segurança, direção defensiva, além do uso correto para conservação e manutenção de veículos pesados.

“Apesar do caminhão já oferecer aos motoristas uma experiência superior em termos de segurança, manuseio, direção e conforto de descanso, nossos treinamentos para o desenvolvimento dos motoristas podem ajudá-lo a conquistar habilidades para serem mais seguros, eficientes e instruídos. Isso resulta em menos desgaste e quebras do caminhão, melhor economia de combustível, motoristas mais satisfeitos e saudáveis e resultados gerais mais eficientes também”, reforça Vivaldo Salustiano, consultor Volvo, responsável pela intermediação da parceria com a Abapa.

O coordenador do Programa Patrulha Mecanizada da Abapa, David Tavares, acredita que a capacitação proporcionou um maior conhecimento dos recursos tecnológicos oferecidos pelo veículo para uma operação ainda mais especializada por parte dos motoristas que atuam na recuperação de estradas. “O curso reforçou ainda questões ligadas à segurança dos nossos profissionais durante as atividades de recuperação de uma estrada, seja durante um carregamento ou em trânsito pelas rodovias. O que, no dia-a-dia das atividades, é fundamental”, afirma.

Este foi um curso piloto realizado pelo Centro de Treinamentos e que deve se expandir para os motoristas de caminhões das fazendas, que devem obrigatoriamente ter habilitação específica para conduzir veículos de transporte de carga. “O treinamento vai oferecer informações sobre as condições do veículo e do próprio condutor para uma direção segura no exercício da atividade. O objetivo é que o curso seja replicado junto aos motoristas das fazendas que utilizam estes caminhões”, explica o diretor-executivo da Abapa, Lidervan Morais, que reforça também a promoção das atividades com o respeito às regras sanitárias de distanciamento, uso obrigatório de máscara e restrição do número de inscritos.

Deixe seu comentário

*
*
Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Falabarreiras. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Falabarreiras poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto. É possível digitar até 600 caracteres. Os comentários que estiverem escritos em letras maiúsculas e tiverem links serão rejeitados.