14/fevereiro/2019- Atualizado em 14/02/2019 15:56:05

Abapa garante recursos para manutenção de projetos para o biênio 2019/2020

Sede da Abapa em Luís Eduardo Magalhães/BA | Foto: Divulgação Abapa

A Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) garantiu recursos para a manutenção de importantes projetos que serão executados no biênio 2019/2020, em prol do crescimento da cotonicultura na Bahia. Com vigência desta nova etapa, desde janeiro passado, o Instituto Brasileiro do Algodão (IBA) aprovou a renovação de recursos para a execução de projetos desenvolvidos pela entidade como o Centro de Apoio à Regularização Ambiental, em parceria com a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), e Diagnóstico de Fitonematoides e Avaliação e Difusão de Cultivares de Algodão, juntamente com a Fundação Bahia.

O conselho gestor do IBA também aprovou o aporte de mais recursos para a aquisição de máquinas, insumos e veículos para a conservação de estradas por meio do Programa Patrulha Mecanizada. Executado pela própria Abapa, o projeto já recuperou desde 2013 cerca de 1780 quilômetros de estradas localizadas em importantes áreas produtivas do Oeste da Bahia. O IBA também renovou a parceria para as ações de fortalecimento do Marketing Institucional para a promoção do algodão baiano, que abrangem a organização de eventos como: Missão Compradores, Dia de Campo do Algodão, Conhecendo o Campo, Corrida do Algodão e Cotton Bike.

Para o presidente da Abapa, Júlio Busato, a entidade vem se consolidando com projetos que estão, de maneira direta, garantindo suporte aos agricultores e impactando positivamente na rentabilidade e no crescimento da produtividade pelos produtores. “Além dos projetos ligados à fitossanidade, qualidade da fibra e recuperação de estradas, também estamos, nos últimos anos, focados em estabelecer parcerias estratégicas com poder público e universidades, para incentivar pesquisa e tecnologia para o campo que se produzir de forma sustentável e ambientalmente correta. Nosso desafio é mostrar esta realidade para a sociedade”, afirma.

No final do último ano, os consultores do IBA realizaram, ao longo de uma semana, uma consultores realizaram, em conjunto com os técnicos da Abapa, a estruturação e matriz de projetos que foram renovados. Os técnicos do Instituto também focaram nos indicadores de resultados de todos os projetos desenvolvidos pela entidade por meio de seis programas institucionais: Centro de Análise de Fibra, Centro de Treinamento Parceiros da Tecnologia, Fitossanitário, Marketing Institucional, Patrulha Mecanizada e Sustentabilidade. Para saber mais, acesse: www.abapa.com.br.

Colheita de algodão na Fazenda Busato | Foto: Divulgação Abapa

Fonte: Ascom Abapa | Araticum Comunicação

O conteúdo de cada comentário é de exclusiva responsabilidade do autor e mensagens ofensivas não serão postadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!