13/abril/2017- Atualizado em 12/04/2017 11:21:01

Qual preço você pagaria para esquecer um namorado que acaba de perder?

Bruna Souza | Virta Comunicação Corporativa

Lançamento mistura fantasia urbana e realismo mágico em um fascinante drama que prende o leitor do início ao fim da obra

“Se ela soubesse a verdade, recusaria fazer o feitiço para o meu próprio bem, para evitar o agravamento dos efeitos colaterais.”

A garota que não queria lembrar se passa em um mundo muito parecido com o nosso, com uma grande diferença: é possível usar um feitiço para consertar qualquer coisa.

Contado a partir de quatro pontos de vista diferentes e com uma narrativa não linear, traz a história de jovens que têm que lidar com a verdade por trás da morte de um dos amigos e com as consequências da magia hekamista que os envolve desde crianças. As hekamistas são bruxas que podem preparar feitiços para ajudar quem está passando por dificuldades. Porém a magia têm consequências claras e um tanto imprevisíveis. Um feitiço desenvolvido para melhorar o desempenho em atividades físicas, por exemplo, pode prejudicar a parte acadêmica. A vida, é claro, funciona de forma semelhante e é precisamente nesse ponto que o livro se aproxima da realidade de forma poética e fascinante.

Após a morte do namorado, Ari recorre a um feitiço para apagar Win da memória. Mas esquecer o rapaz não é tão simples, ainda mais depois que Ari percebe que entre seus amigos, seu namorado e até ela mesma há segredos demais.

O romance navega entre passado e presente em uma narrativa que mistura amor, mistério e drama e, aos poucos, o livro vai desmanchando os estereótipos que, a princípio, o leitor possa ter criado.

Além disso, a obra se vale da premissa de que quanto mais poderoso o feitiço, piores os seus efeitos colaterais, para ressaltar, sem moralismo, que não há atalhos para superar as grandes dores da vida, não há solução milagrosa sem consequências, às vezes bem piores do que a dor original, para todos os envolvidos.

Sobre a autora:
Maggie Lehrman é bacharel em língua inglesa com mestrado em Escrita para Crianças e Jovens Adultos. Atualmente, trabalha como editora sênior na Abrams e mora no Brooklyn, Nova York, com o marido, Kyle. Este é seu primeiro livro.

FICHA TÉCNICA:
Título: A garota que não queria lembrar
Autora: Maggie Lehrman
Tradução: Guilherme Miranda
Título original: The cost of all things Formato: 13,4 x 21 cm
Nº de Páginas: 352
Acabamento: brochura, com orelhas
ISBN: 978-85-8419-050-8
Preço: R$ 42,50
Selo: Pavana

Tags:

O conteúdo de cada comentário é de exclusiva responsabilidade do autor e mensagens ofensivas não serão postadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!