31/outubro/2018- Atualizado em 30/10/2018 18:54:50

Para falar de amor

O mês de outubro ficará guardado na memória e no coração de profissionais, voluntários, pacientes e acompanhantes do Hospital do Oeste (HO), unidade administrada pelas Obras Sociais Irmã Dulce (OSID). No trabalho incansável das equipes, a vocação para o “Amar e Servir” ganhou novos e belos capítulos, a exemplo do abraço à campanha do Outubro Rosa. Durante o mês, a luta do HO em favor da vida, a partir da prevenção ao câncer de mama, podia ser vista já na entrada do complexo, em um laço rosa gigante instalado na fachada do hospital. Informações valiosas como o autoexame das mamas percorriam corredores e salas, seja através da distribuição de panfletos sobre a doença ou na conversa amiga com os colaboradores nas visitas aos leitos.

Outubro pautado ainda na forte mensagem do amor ao próximo, com uma agenda dedicada à nobre bandeira da doação de órgãos. O assunto foi tema de uma capacitação promovida pela Central Estadual de Transplante de Órgãos da Bahia, resultando na abordagem de tópicos como a importância do acolhimento familiar durante o processo de autorização da doação, garantindo assim com que as famílias recebam todo o suporte necessário em meio ao delicado momento que envolve a perda de um ente querido. Mês também da ludicidade, com uma programação especialmente voltada às crianças internadas no Hospital do Oeste. Resultado da dedicação de voluntários e profissionais, a comemoração reproduziu em pleno ambiente hospitalar um pouco do rico universo infantil, com direito à contação de histórias, atividades recreativas, encenações teatrais e distribuição de brinquedos.

Outro momento de pura emoção, também como resultado do trabalho em equipe foi a despedida de alguém que além de paciente se tornou membro da família HO! Após 01 ano de cuidados na unidade, a querida Claudimira Barbosa agora só tem motivos para festejar junto a sua família em casa. Mais um processo de desospitalização comemorado por todos. Em meio ao clima de despedida de um mês de tantas comemorações, a equipe já se prepara para novas atividades no campo da humanização, a exemplo de uma programação especial que conta com duas causas importantes: o chamado “Novembro Azul” com foco na prevenção ao câncer de próstata e o “Novembro Roxo”, mês da prematuridade.

O conteúdo de cada comentário é de exclusiva responsabilidade do autor e mensagens ofensivas não serão postadas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!